Quais os principais cuidados que devemos ter com nosso patrimônio?

Construtora D'Araujo

Conforme a Norma Brasileira NBR 5674, a manutenção consiste no “ato ou efeito de resguardar de danos, decadência, prejuízo e outros riscos, mediante verificação atenta do uso e condições de permanência das características técnicas e funcionais da edificação e das suas instalações e equipamentos”.

Portanto, a preservação do patrimônio depende dos cuidados de manutenção que devem ser contínuas e precisas.

A atenção deve ser dada para:

 

Coberturas

Importante fazer a limpeza periódica das calhas e telhados para impedir o acumulo de detritos e elementos estranhos.

 

Instalações elétricas

Em salas de aula, quadras esportivas, ginásios, refeitórios ou banheiros, um perigo nem sempre visível é a falta de manutenção ou inadequação das instalações elétricas.

Luzes piscam e constantemente se leva choque ao tocar em equipamentos?

Importante verificar os dispositivos que regulam a passagem da corrente elétrica, bem como, providenciar a substituição de disjuntores específicos para suportar determinadas cargas elétricas.

Se você anda sentindo cheiro de fumaça e de cabo derretido, procure ajuda imediatamente, pois este é o sinal mais grave que a rede elétrica pode dar.

Todo cuidado é pouco quando se trata de instalações malfeitas ou defasadas que podem causar curtos circuitos ou outros danos.

A revisão de toda a rede, circuitos, fiação e tomadas devem ser realizadas conforme o tempo especificado nas normas técnicas brasileiras.

 

Instalações hidráulicas

No trato das instalações hidráulicas defasadas é fundamental que a avaliação seja feita por um engenheiro, arquiteto ou profissional capacitado para o diagnóstico detalhado da situação da instalação para que seja recomendado as alterações necessárias, garantindo o bom funcionamento e eficiência do sistema hidráulico.

Cuidados imprescindíveis:

  • Com os sistemas de água fria, água quente, esgoto sanitário e gás;
  • Com a presença de ferrugem na água, pois é um sinal que as tubulações devem ser revisadas.

 

Revestimentos (pisos, paredes e forros)

Atenção as trincas, fissuras, manchas nos pisos e paredes, além do desplacamento de cerâmica ou argamassa.
Se o prédio apresentar nos forros tábuas empenadas, lascadas, soltas ou apodrecidas e sinais de cupim e carunchos deve-se providenciar ação de profissionais especializados.

 

 

Recuperação de fachada (pintura) e manutenção de esquadrias

Fique atento:

  • Quando aparecer manchas de bolor em prédios recém-construídos.
  • Mancha de umidade que sobe pelas paredes, buracos e depressões em massa corrida.
  • Pintura desfeita ou descascada.
  • Esquadrias empenadas ou enferrujadas por falta de lubrificação.
  • Folhas descoladas e empenadas.
  • Rachaduras, lascas ou diferenças na coloração.

 

Estruturas

Observe a existência de fissuras, rachaduras e exposição das armaduras que comprometem a estrutura predial diminuindo sua vida útil.

 

Regularização de obras: sistema de prevenção de incêndios e segurança

É necessário verificar se o imóvel está em acordo com as especificações técnicas atuais, conforme as normativas do corpo de bombeiros e ABNT.
Etapas para regularização:

  • Visita de um profissional habilitado;
  • Análise técnica das condições do imóvel;
  • Viabilização da reforma com toda descrição do que e como será realizado;
  • Emissão de laudos necessários por empresa especializada para apresentação aos órgãos competentes.